FORMAÇÃO - Pós-graduações
O Presidente do Instituto Politécnico da Guarda, Prof Dr. Joaquim Brigas, afirmou na sessão da tomada de posse dos novos dirigentes que os próximos quatro anos vão ser “um espaço temporal onde iremos reforçar o compromisso de honrar a missão do Instituto Politécnico da Guarda e dos seus valores”.

O Instituto Politécnico da Guarda é uma Instituição de Ensino Superior que promove atividades de ensino, cientificas, tecnologias e culturais, de modo mais atrativo, mais humano, mais inclusivo, com mais alunos e mais interventivo na sociedade.

Para o Presidente do Instituto Politécnico da Guarda, a entrada neste novo ciclo estratégico, implica implementar três linhas de ação “que passam: pelas pessoas, pela comunicação e pela sociedade; certos de que o importante papel do Instituto Politécnico da Guarda no desenvolvimento social, económico e cultural pode e deve ser ampliado, numa desejada envolvência com instituições e empresas.

O Presidente do Instituto Politécnico da Guarda reiterou o seu empenho em “reafirmar o Instituto Politécnico da Guarda como uma instituição da sociedade e para a sociedade”, referindo depois que o IPG vai contar “com novos e valiosos contributos de docentes que são sobejamente conhecidos e aceitaram o meu desafio para, em conjunto, operacionalizarmos essa reafirmação”.

O Presidente do Instituto Politécnico da Guarda afirmou que “são imensos os desafios que enfrentamos, alguns emergentes e que vamos começar a desenvolver a curto prazo, tais como reforçar e adequar a oferta formativa ao nível dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais, Licenciaturas e da Formação pós-graduada.”

“Este ano 2019 irá aumentar a dinâmica formativa e, consequentemente, novos públicos e mais estudantes para o IPG, mas temos que reunir melhores condições para a sua inserção na comunidade académica e na comunidade local”.

Entre muitas outras áreas, o Instituto Politécnico da Guarda está a posicionar-se para ministrar formação pós-graduada, de alto nível, a quadros da Saúde, anunciou o seu presidente na sessão de encerramento da pós-licenciatura de Especialização em Enfermagem Médico-Cirúrgica.

Para além de enfermeiros especialistas, faltam gestores nas unidades de saúde. Por isso vamos lançar, no próximo ano letivo, uma nova pós-graduação em Organização e Gestão Hospitalar para formar líderes que possam gerir de forma eficiente os hospitais portugueses.

Esta nova pós-graduação que se irá iniciar no próximo ano letivo – e esperamos evoluir para Mestrado, dirige-se aos profissionais que trabalham ou querem trabalhar nas unidades, públicas ou privadas, do setor da Saúde, venham eles das áreas clínicas, ou de outras, como a Administração, a Gestão ou o Direito, ou outras afins.

Assim, é muito importante para o IPG, especialmente para a Escola Superior de Saúde, continuar a apostar na formação – e na especialização de grande qualidade – nas áreas emergentes da saúde”, afirmou presidente do IPG. “Estamos cada vez mais preparados para dar resposta às necessidades dos profissionais da região e para lhes abrir as portas do mercado de trabalho de todo o país.

     




UDI - Unidade de Investigação para o Desenvolvimento do Interior | Instituto Politécnico da Guarda || Centro de Informática do IPG